13/09/2020 às 19h27min - Atualizada em 13/09/2020 às 19h27min

Neymar é expulso, denuncia racismo, e PSG perde clássico tenso com Olympique

PORTAL DO SENA - Informando com credibilidade

GE
Foto: Gonzalo Fuentes/Reuters
Tenso. Do início ao fim. Não há outra palavra para descrever o clássico deste domingo, no Parque dos Príncipes. No jogo com recorde de cartões da Ligue 1 no século, o Olympique de Marselha venceu o PSG por 1 a 0. Foram 17 cartões distribuídos, entre eles cinco vermelhos.

Neymar foi um dos expulsos e deixou o campo furioso e denunciou o zagueiro Álvaro González de racismo na saída.


DENÚNCIA DE NEYMAR

A tensão do clássico teve como protagonistas Neymar e o zagueiro espanhol Álvaro González. Ainda no primeiro tempo, aos 37 minutos, o brasileiro foi até o quarto árbitro e acusou o rival de racismo repetindo "Racismo no!", em espanhol.



A arbitragem nada fez. No fim da partida, ambos voltaram a discutir, e o brasileiro voltou a chamar Álvaro de racista. Após confusão depois de uma falta, o camisa 10 deu um tapa na cabeça do rival e foi expulso. Neymar deixou o campo indignado e falando às câmeras que o espanhol foi racista. 


 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »