16/09/2018 às 18h57min - Atualizada em 16/09/2018 às 18h57min

São Paulo segura empate com Santos na Vila e dorme na liderança. Veja os melhores momentos

Tricolor se defende bem, leva sorte ao ver Rodrygo perder chance mais clara e vai a 50 pontos...

GE
Foto: Heuler Andrey / Estadão Conteúdo
Santos e São Paulo fizeram um bom clássico na Vila Belmiro neste domingo, pela 25ª rodada do Campeonato Brasileiro, com muita pegada e variações táticas. O placar final de 0 a 0 acabou sendo injusto com o que as duas equipes fizeram, especialmente o Santos, melhor durante todo o primeiro tempo e dono da melhor chance de gol, com Rodrygo, aos 27 do segundo.

Com o resultado, o São Paulo, melhor visitante do Brasileirão (20 de seus 50 pontos foram fora de casa), voltou a dormir na liderança do torneio, agora com um ponto a mais do que o Inter (50 a 49), que encara a Chapecoense fora de casa nesta segunda-feira.

O Peixe chegou ao oitavo jogo seguido sem levar gol, mas ainda longe do G-6 - é o oitavo com 32 pontos (e um jogo a menos), oito atrás do Atlético-MG, sexto colocado.

O QUE VEM POR AÍ

Os dois times agora terão a semana inteira para treinar. O próximo jogo do São Paulo é contra o América-MG, sábado, às 16h, no Morumbi. Já o Santos pega o Cruzeiro, domingo, às 19h, no Mineirão.
 
 

RECLAMAÇÃO SANTISTA

O último lance do San-São foi uma falta para o Tricolor. Nenê acertou a barreira e a bola sobrou para um contra-ataque alvinegro. Mas o árbitro Ricardo Marques terminou o clássico, o que causou revolta geral dos santistas.

Os jogadores e o técnico Cuca cercaram a arbitragem, e durante a reclamação Victor Ferraz levou cartão amarelo. O lance lembrou muito aquele da eliminação do Santos na Copa do Brasil contra o Cruzeiro, quando o time de Cuca também saía em velocidade no contra-ataque.

 

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »