09/11/2020 às 14h45min - Atualizada em 09/11/2020 às 14h45min

Clínica que oferece “cura gay” divulga nova nota e cita “mal-entendido”

PORTAL DO SENA - Informando com credibilidade

Metrópoles
Foto Reprodução
A clínica de hipnose de Brasília que oferece “tratamento” para homossexualidade divulgou uma nova nota nesta segunda-feira (9/11), desta vez, no site da empresa. O caso, revelado pelo Metrópoles no último sábado (7/11), chamou a atenção da Comissão de Direitos Humanos da Câmara Legislativa do DF (CLDF) e do Conselho Regional de Psicologia (CRP-DF), que pedirão investigação ao Ministério Público do DF e Territórios (MPDFT).

No texto, a empresa Hipnoticus informa que o endereço eletrônico estava “desatualizado por motivos de força maior” e que “boa parte dos termos que causam dúvida, confusão e mal-entendido” foram removidos ou alterados.

O empreendimento acrescenta que “as expressões doença, cura, livrar-se de algo, única maneira, solução, homossexualidade, homossexualismo e, até o uso do sufixo ‘ismo’, eram maneiras de falar com os termos usados por quem nos procura”.

“Nunca foi intenção ofender um grupo de indivíduos ou minoria qualquer que seja, ou tratar condições médicas, visto que, na terapia holística, o que é tratado é o indivíduo como um todo (mente, corpo e espírito). Vale lembrar também que o site encontra-se ainda em processo de atualização”, diz a nota.

Confira aqui a íntegra do texto publicado no site da clínica Hipnoticus.

https://www.hipnoterapia.org/pt-br/blog/2020/11/09/nota-oficial/

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »