17/08/2020 às 22h03min - Atualizada em 17/08/2020 às 22h03min

Por mais inclusão no processo democrático

PORTAL DO SENA - Informando com credibilidade

Capitão Alberto Neto
Foto: Divulgação
Apesar de todos os esforços para garantir os direitos constitucionais à Comunidade Surda, muitas vezes encontramos situações em que a acessibilidade não é respeitada como, por exemplo, nos encontros políticos. Pensando nessas pessoas que precisam participar do processo democrático, decidimos iniciar nossa caminhada com a participação de intérpretes de Língua  Brasileira de Sinais (Libras), em todas as nossas reuniões.

Uma prévia de respeito e inclusão, que teremos na elaboração dos projetos para a Prefeitura de Manaus, como utilizar a Escola de Serviço Público Municipal e Inclusão Socioeducacional (Espi), para capacitar servidores públicos em Libras, desta forma multiplicaremos intérpretes para  todas as secretarias e as autarquias do Executivo Municipal. 

Segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), o Brasil possui cerca de 9,8 milhões de surdos e no Amazonas há aproximadamente 150 mil.

Respeito que assegurei na primeira grande reunião, realizada na última sexta-feira,07, na zona Leste de Manaus, com a participação de uma intérprete de Libras, para traduzir o meu discurso aos surdos presentes, tirando do papel o que é direito garantido. E um compromisso de acessibilidade a todos.

Capitão Alberto Neto
Deputado federal e pré-candidato a prefeitura de Manaus

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »