02/06/2020 às 10h37min - Atualizada em 02/06/2020 às 14h03min

Prejuízo da umidade às drogarias, farmácias e farmácias de manipulação

Por se tratar de um local destinado ao trânsito de medicamentos é importante que estes ambientes estejam livres de qualquer tipo de contaminação.

DINO
https://www.thermomatic.com.br/

As farmácias desempenham uma função social muito importante, tendo papel fundamental na manutenção da saúde das pessoas. São esses estabelecimentos responsáveis por fazer chegar às mãos dos consumidores produtos com qualidade e segurança, sejam eles procedentes da indústria farmacêutica ou farmácias de manipulação.

Por se tratar de um local destinado ao trânsito de medicamentos é importante que estes ambientes estejam livres de qualquer tipo de contaminação. Farmácias, farmácias de manipulação e drogarias devem seguir todas as normas estabelecidas pela ANVISA para que o armazenamento e a manipulação dos medicamentos sejam feitos de forma correta. Dentre os cuidados que se deve tomar nos estabelecimentos, está o controle sobre temperatura e a umidade.

A umidade em excesso pode causar muitos danos a farmácias e drogarias. Responsáveis pela distribuição de medicamentos, estes estabelecimentos correm riscos se não seguirem à risca todos os protocolos de segurança e manuseio dos medicamentos. O controle é necessário e deve ser feito para que os remédios não percam a integridade, não sofram alterações nas suas formulações e principalmente não causem prejuízos a saúde dos usuários.

Dentre os prejuízos causados pela umidade estão alterações físicas e químicas dos medicamentos, redução do volume de pomadas e a perda de eficácia de efervescentes. Além disso, todos os medicamentos como comprimidos, pó, drágeas, entre outros, são altamente higroscópicos, e estão sujeitos absorção de umidade. Por isso, a Anvisa, estipula na RDC n° 304 (17/09/2019) que as áreas de armazenagem devem ser dotadas de equipamentos e instrumentos necessários ao controle e ao monitoramento da temperatura e da umidade.



Com características diferentes das farmácias convencionais, onde os medicamentos já estão prontos e embalados, nas farmácias de manipulação eles são produzidos de acordo com a necessidade de cada paciente.

A umidade é uma inimiga silenciosa que pode prejudicar a manipulação dos medicamentos. Muitos deles são higroscópicos, ou seja, retêm umidade, o que compromete a sua segurança e pode prejudicar a sua eficácia. O prejuízo pode envolver também o ambiente, pois o excesso de umidade pode significar a proliferação de microrganismos como fungos, responsáveis pela formação de bolor e mofo.

É importante que todos os procedimentos em uma farmácia de manipulação convirjam no sentido de manter as condições adequadas de temperatura e principalmente umidade, para garantir a integridade, qualidade e segurança dos medicamentos em todo o seu período de validade.

Para garantir que o padrão de qualidade e serviços nas farmácias de manipulação sejam seguidos à risca, a Anvisa mantém instrumentos legais, abrangendo os estabelecimentos, a saber:

  • RDC n° 67 (08/10/2007) determina que todas as salas de manipulação devem ser mantidas com temperatura e umidade compatíveis com as matérias primas ali armazenadas ou manipuladas.
  • RDC n° 44 (17/08/2009) que dispõe sobre a necessidade de controle da umidade em farmácias de manipulação no que se refere ao armazenamento de medicamentos.

O Desidrat da Thermomatic mantém a umidade nos níveis desejados pelos estabelecimentos através da desumidificação do ambiente. Ao estabilizar a umidade, o Desidrat impede a proliferação de ácaros, bactérias e outros microrganismos como fungos. Dotados de modernos sistemas, eliminam impurezas, devolvendo ao ambiente um ar muito mais saudável.

Quer saber mais sobre como controlar a umidade em farmácias, drogarias e farmácias de manipulação? Acesse: https://www.thermomatic.com.br/aplicacoes/conservacao-incorreta-de-medicamentos-pode-afetar-a-saude-de-pacientes.html



Website: https://www.thermomatic.com.br/
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »