09/04/2020 às 13h50min - Atualizada em 09/04/2020 às 13h50min

Polícia Civil prende dois integrantes de quadrilha especializada em clonagem de veículos em Manaus

Secom
Divulgação/PC-AM
Ao longo da tarde de quarta-feira (08/04), a equipe de investigação da Delegacia Especializada em Roubos e Furtos de Veículos (DERFV), sob a comando da delegada-geral, Emília Ferraz, e coordenação do delegado Cícero Túlio, titular da Especializada, deflagrou uma ação policial que culminou na prisão, em flagrante, de Clauber Ferreira Magalhães, 29, e Joel Martins Ramos, 28. Com eles, foram encontrados três carros clonados, além de instrumentos para remarcações de sinais identificadores e diversos documentos de veículos.

De acordo com o titular da especializada, os dois são apontados como integrantes de uma das maiores quadrilhas de clonagem de veículos atuantes no estado. Conforme o delegado, Clauber foi preso no bairro Flores, na zona centro-sul da capital, e Joel no bairro Zumbi dos Palmares, na zona leste de Manaus. As equipes da DERFV já vinham monitorando Clauber, pelo envolvimento dele em uma extorsão que tinha como vítima o proprietário de uma oficina de automóveis, localizada no bairro Zumbi dos Palmares.

“As investigações indicam que ele e um outro comparsa, que está sendo procurado pela nossa equipe, estavam cobrando a quantia de R$ 5 mil da vítima, pelo fato de um carro ter sido apreendido por policiais civis em frente ao referido estabelecimento, em 2019. Além do mais, o proprietário dessa oficina teria se negado a ceder o espaço para que eles efetuassem clonagens de veículos. Diante disso, a dupla teria arquitetado a morte dele, a mando do ex-presidiário Jerson Rodrigues Ferreira, um dos maiores clonadores de veículos da capital”, explicou Túlio.


Ainda segundo o delegado, apesar de ter sido preso durante a operação “Guilhotina”, realizada no ano passado, Jerson já se encontra em liberdade após decisão judicial. Diligências policiais apontam que o indivíduo segue praticando crimes de clonagem de veículos no estado. Na época da operação, áudios encontrados e analisados pela equipe da DERFV, constataram que Jerson compartilhou os métodos de clonagem de automóveis a diversos criminosos da capital, incluindo Clauber.

O titular da Especializada destacou, ainda, que no momento da prisão Clauber e Joel foram encontrados em posse de três veículos roubados e clonados, sendo um modelo Gol, da montadora Volkswagen, e o segundo modelo HB20, da montadora Hyundai. Já o terceiro era um carro modelo Polo Sedan, também da montadora Volkswagen.



FOTO: Divulgação/PC-AM

Túlio ressaltou que, na ocasião da ação policial, havia um mandado de prisão preventiva em aberto no nome de Clauber, por extorsão. A ordem judicial foi expedida na última sexta-feira (04/04), pela juíza Suzi Irlanda Araújo da Silva, do Plantão Criminal.

O delegado explicou que as investigações em torno do caso seguem em andamento até que as os demais integrantes do grupo criminoso sejam identificados e presos.

Procedimentos – A dupla foi autuada em flagrante por receptação, adulteração de sinal identificador e associação criminosa. Clauber foi, ainda, indiciado por extorsão. Após os procedimentos cabíveis, eles serão encaminhados para a audiência de custódia, que será realizada por videoconferência.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »