16/12/2019 às 18h28min - Atualizada em 16/12/2019 às 18h28min

Mulher é presa por homicídio e tentativa de homicídio, no bairro Nova Cidade

SECOM
Alailson Santos/PC-AM
Na noite de domingo (15/12), por volta das 21h, policiais civis da Delegacia Especializada em Homicídios e Sequestros (DEHS), em ação conjunta com policiais militares da 15ª Companhia Interativa Comunitária (Cicom), prenderam, em flagrante, a copeira Cleide Figueira de Jesus, 46, pela tentativa de homicídio do companheiro, de 44 anos, e do homicídio da cozinheira Marlene Batista de Vasconcelos, que tinha 52 anos.

A prisão aconteceu logo após o registro do crime, na rua 206, quadra 392, bairro Nova Cidade, zona norte da capital, onde Cleide morava com o companheiro. De acordo com o delegado Paulo Martins, titular da DEHS, a suspeita encontrou o companheiro com a mulher e praticou os crimes utilizando uma arma branca.

“Esse companheiro, na data de ontem (domingo), estava fazendo uma festa na casa deles, com a vítima e outras pessoas. A autora teria saído no dia anterior da casa, foi para um aniversário, e quando voltou, por volta das 19h, percebeu que a casa estava trancada e com um som ligado, resolveu entrar, mas teve que arrombar a porta”, disse o delegado.


Em depoimento, Cleide disse que arrombou a porta e, quando entrou na residência, encontrou o companheiro e a outra mulher juntos. Eles começaram a brigar, e Cleide se armou de uma faca. Durante a confusão, atingiu Marlene com uma facada no peito.

A suspeita e a vítima moravam no mesmo bairro. A autora do crime disse, em depoimento, que está arrependida e negou que tivesse a intenção de matar Marlene. Após a ação criminosa, Cleide permaneceu no lugar do fato, onde, posteriormente, foi encaminhada à DEHS por policiais militares.


FOTOS: Alailson Santos/PC-AM

Na especializada, a mulher foi ouvida e autuada em flagrante por homicídio e tentativa de homicídio. Na tarde desta segunda-feira (16/12), ela foi encaminhada para audiência de custódia no Fórum Ministro Henoch Reis.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »