18/09/2019 às 09h23min - Atualizada em 18/09/2019 às 09h23min

Atendimento gratuito especializado em saúde bucal é oferecido pela Semsa

SECOM
Foto: Nathalie Brasil
Comumente chamado de língua presa, os gêmeos Davi e Yuri, de dois meses, nasceram com frenectomia lingual. Em busca da solução para o problema dos filhos, o casal Joyciane de Souza Castri Anselmo, 21, e Lucas Brasil Chíxaro, 25, procurou o Centro de Especialidade Odontológica da Prefeitura de Manaus para agendar uma consulta.

“Após fazermos pesquisas em clínicas particulares para a realização do procedimento nas crianças, vimos que era inviável, tendo em vista o valor que é caro demais. A partir disso, por recomendação de uma tia, procuramos o CEO Sul e, no mesmo dia que fomos atendidos, as cirurgias foram realizadas gratuitamente”, contou Lucas.

“Ficamos surpresos, porque não esperávamos que o atendimento fosse tão rápido e conclusivo. As crianças foram consultadas e, logo em seguida, passaram pela cirurgia. O atendimento foi muito bom, os profissionais tiveram todo um cuidado em explicar o que seria feito. Isso é ótimo, porque ao final acaba se criando um vínculo com servidores que nos acolheram”, destacou Joiciane.

A frenectomia lingual pode prejudicar a amamentação. Em alguns casos, o bebê tem dificuldades de sucção no peito da mãe, podendo perder peso e gerar dor no mamilo materno, o que acaba levando ao desmame precoce. Também pode causar problemas de mastigação, deglutição e respiração. Por ter efeito sonoro na fala, a alteração na língua acaba gerando ainda apelidos, podendo colocar a criança em condição de sofrer bullying durante a adolescência e a juventude.

Segundo a especialista em odontopediatria, Dina Birman, o reconhecimento por parte dos pacientes é muito importante para os profissionais. “Confirma aquilo que diariamente nos dispomos a fazer, com muita dedicação. Busco fazer o máximo que posso numa consulta para evitar muitos retornos e solucionar o que pode ser realizado rapidamente”, afirmou.

Realizando serviços de diagnóstico, cirurgia oral, periodontia especializada, endodontia, atendimento a pessoas com deficiência, odontopediatria (até 6 anos), ortodontia e prótese, o CEO Sul Dr. José Fortunato de Oliveira, localizado na rua São Lázaro, Betânia, recebe, em média, 60 pacientes por dia e conta com 14 dentistas disponíveis para atendimento das 7h às 21h.

A especialista em Endodontia, Luciana Camargo, diretora do CEO Sul, destacou que os serviços são referência em Manaus devido à qualidade e rapidez com que são oferecidos. Os serviços que não são oferecidos pela rede básica, os usuários podem encontrar nos CEOs. “Os pacientes que hoje não teriam condições de pagar R$ 1.000 pela extração de um dente sizo, por exemplo, na rede privada, conseguem fazer gratuitamente nos CEOs”, informou Luciana.


Foto: Nathalie Brasil

Atendimento gratuito

Com um atendimento especializado e diferenciado, voltado para atender a população que busca por serviços de saúde bucal, os Centros de Especialidades Odontológicas (CEOs), gerenciados pela Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), são referência em diversas cirurgias e estão preparados, inclusive, para atender Pessoas com Deficiência (PCDs).

Com uma estrutura equipada para cirurgias de pequeno porte, os CEOs são reconhecidos por oferecer, gratuitamente, procedimentos que, na rede privada custariam, em média, de R$ 250 a R$ 1 mil, possibilitando, assim, o acesso da população aos cuidados com a saúde bucal.

CEOs

Os Centros de Especialidades Odontológicas (CEOs) são estabelecimentos de saúde, participantes do Cadastro Nacional de Estabelecimentos de Saúde (CNES), sendo classificados como Clínica Especializada ou Ambulatório de Especialidade, fazendo parte do “Programa Brasil Sorridente”, do Governo Federal.

Os serviços são uma continuidade do trabalho realizado pela rede de Atenção Básica e faz parte do Programa Estratégia Saúde da Família, pelas equipes de saúde bucal. Os profissionais da atenção básica são responsáveis pelo primeiro atendimento ao paciente e pelo encaminhamento aos centros especializados apenas casos mais complexos.

Atualmente, o município conta com quatro CEOs, localizados um em cada Distrito de Saúde (Disa). Para ser atendido é necessário que o usuário, de posse do cartão do Sistema Único de Saúde, passe, primeiramente, pela avaliação de um cirurgião-dentista de qualquer Unidade Básica de Saúde (UBS), que dará o encaminhamento para o serviço especializado, caso necessário.

Maiores informações podem ser acessadas pelo site www.semsa.manaus.am.gov.br
, onde é possível encontrar a relação completa com endereço, telefones e horários de atendimentos dos CEOs em Manaus.
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »