13/03/2019 às 16h47min - Atualizada em 13/03/2019 às 16h47min

Mulher atacada por jaguar durante selfie: 'Aprendi uma lição'

O jaguar foi retirado temporariamente da visitação, mas não será abatido.

Extra
Foto: Reprodução/CBS News
A mulher que pulou uma cerca e foi atacada por um jaguar ao se aproximar da jaula para fazer uma selfie com o felino no Wildlife World Zoo, em Litchfield Park (Arizona, EUA), disse "ter aprendido uma lição".

Identificada apenas como Leanne, a americana comentou à CBS News:

"Eu errei ao pular a barreira. Nunca esperei que aquilo fosse acontecer. Somos todos humanos, cometemos erros. Aprendi uma lição."

Leanne, entretanto, criticou a direção do zoológico.

 

"Acho que o zoo deveria mover a barreira para trás. Todos podem chegar até ela. Não fui a primeira e, se eles não moverem a barreira, provavelmente não serei a última", declarou.

No incidente ocorrido no último sábado (9/3), a visitante teve ferimentos no braço esquerdo.

O jaguar foi retirado temporariamente da visitação, mas não será abatido. De acordo com a CBS News, o mesmo felino havia ferido um homem, identificado como Jeff Allan, no ano passado. Ele também se aproximou da jaula para tirar foto.

A direção do zoo disse que a única "medida extra" necessária é que os visitantes respeitem a barreira de segurança.

Assista ao socorro logo após o ataque:
 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »